• Claudio

“Qual o melhor ângulo para afiação de uma faca?”

Atualizado: Ago 16

Para termos uma resposta devemos considerar que o ângulo do fio de uma faca é definido em função de diversos fatores. Um dos principais determinantes da escolha do fio é o uso da faca, qual o material a ser cortado e qual o tipo de corte.

Em um ângulo muito agudo o fio será destruído se for usado contra um osso e um filé de peixe ficará desfigurado se for utilizado um ângulo maior. O ângulo do fio é o ângulo formado pelas duas superfícies da lâmina na zona do fio.


Exemplo de ângulo de 30 graus.


Na tabela abaixo podemos verificar os ângulos mais utilizados e seus usos:

8 a 14 graus – lâminas de barbear e alguns bisturis. São lâminas descartáveis.

15 a 17 graus – fio muito delicado, bisturis (uso cirúrgico) e navalhas (lâminas de barbear) .Requer cuidado para não ser destruído. São de difícil afiação e requerem uma manutenção constante por isso normalmente também são descartáveis.

17 a 25 graus – somente para facas profissionais, utilizados em frigoríficos para peixes e carnes delicadas em cortes aéreos, ou seja, a carne não cortada sobre uma mesa. No uso profissional a frequência de afiação é grande, mas estes estabelecimentos possuem equipamentos ou dispositivos para afiação.

25 a 30 graus – facas para preparo de alimentos uso profissional ou doméstico. Em frigoríficos é utilizado, por exemplo, para o que eles chamam de refile, ou seja, para corte de peças sem contato com osso.

30 a 40 graus – no uso profissional para serviço pesado, com contato de osso e cortes sobre mesas, indicado para uso doméstico.

40 a 50 graus – para cutelos e facões, em uso doméstico em facas mais baratas, pois apesar de cortarem menos, possuem maior durabilidade.

Observações:

Ângulos menores que 20 graus não são práticos, pois o fio torna-se muito delicado e é facilmente destruído.

Nos ângulos maiores que 35 graus o corte fica pesado e sem controle para detalhes como a limpeza de peças de carne (retirada de gordura, pele ou tendões).

Na prática, considerando o uso geral, o cuidado, a durabilidade e a precisão no corte, podemos dizer que o ângulo entre 28 e 32 graus é uma boa escolha.

Para o fio ter qualidade, o ângulo deve ser constante em todo comprimento da lâmina e liso sem micros serrilhas (polido) para o corte ser limpo e suave.

Não custa lembrar que a superfície que serve de apoio ao alimento que se está cortando é importante na durabilidade do fio. Devemos evitar superfícies duras tipo placas de vidro, bancadas de pedras como mármore ou granito bem como as de inox.

12 visualizações

Saiba primeiro sobre descontos e ofertas especiais.

Informações
Produtos
Social
Pagamento

...e mais

Scharfen - C Dias Cutelaria ME - CNPJ: 23.891.569/0001-90
R. Mariante 583, sala 201 - Porto Alegre - RS - 90430-181 - Rio Branco
(51) 99805 6323 - contato@scharfen.com.br

  • Facebook
  • Instagram