• Claudio

“Qual o melhor ângulo para afiação de uma faca?”

Atualizado: Ago 16

Para termos uma resposta devemos considerar que o ângulo do fio de uma faca é definido em função de diversos fatores. Um dos principais determinantes da escolha do fio é o uso da faca, qual o material a ser cortado e qual o tipo de corte.

Em um ângulo muito agudo o fio será destruído se for usado contra um osso e um filé de peixe ficará desfigurado se for utilizado um ângulo maior. O ângulo do fio é o ângulo formado pelas duas superfícies da lâmina na zona do fio.


Exemplo de ângulo de 30 graus.


Na tabela abaixo podemos verificar os ângulos mais utilizados e seus usos:

8 a 14 graus – lâminas de barbear e alguns bisturis. São lâminas descartáveis.

15 a 17 graus – fio muito delicado, bisturis (uso cirúrgico) e navalhas (lâminas de barbear) .Requer cuidado para não ser destruído. São de difícil afiação e requerem uma manutenção constante por isso normalmente também são descartáveis.

17 a 25 graus – somente para facas profissionais, utilizados em frigoríficos para peixes e carnes delicadas em cortes aéreos, ou seja, a carne não cortada sobre uma mesa. No uso profissional a frequência de afiação é grande, mas estes estabelecimentos possuem equipamentos ou dispositivos para afiação.

25 a 30 graus – facas para preparo de alimentos uso profissional ou doméstico. Em frigoríficos é utilizado, por exemplo, para o que eles chamam de refile, ou seja, para corte de peças sem contato com osso.

30 a 40 graus – no uso profissional para serviço pesado, com contato de osso e cortes sobre mesas, indicado para uso doméstico.

40 a 50 graus – para cutelos e facões, em uso doméstico em facas mais baratas, pois apesar de cortarem menos, possuem maior durabilidade.

Observações:

Ângulos menores que 20 graus não são práticos, pois o fio torna-se muito delicado e é facilmente destruído.

Nos ângulos maiores que 35 graus o corte fica pesado e sem controle para detalhes como a limpeza de peças de carne (retirada de gordura, pele ou tendões).

Na prática, considerando o uso geral, o cuidado, a durabilidade e a precisão no corte, podemos dizer que o ângulo entre 28 e 32 graus é uma boa escolha.

Para o fio ter qualidade, o ângulo deve ser constante em todo comprimento da lâmina e liso sem micros serrilhas (polido) para o corte ser limpo e suave.

Não custa lembrar que a superfície que serve de apoio ao alimento que se está cortando é importante na durabilidade do fio. Devemos evitar superfícies duras tipo placas de vidro, bancadas de pedras como mármore ou granito bem como as de inox.

5 visualizações

Saiba primeiro sobre descontos e ofertas especiais.

Informações
Produtos
Social
Pagamento

...e mais

Scharfen - C Dias Cutelaria ME - CNPJ: 23.891.569/0001-90
R. Mariante 583, sala 201 - Porto Alegre - RS - 90430-181 - Rio Branco
(51) 99805 6323 - contato@scharfen.com.br

  • Facebook
  • Instagram